Blog
19
jun
ouvir em inglês

Dicas para ouvir em inglês como um nativo

19 de Junho de 2018 em Dicas de idioma

Ouvir em inglês é a dificuldade de muitos estudantes. A maioria não consegue acompanhar filmes em inglês sem legenda e sente receio ao cogitar iniciar um diálogo com um nativo. Por isso, a Idiomátika reuniu dicas para te ajudar a superar as dificuldades no listening e potencializar o seu processo de aprendizagem.

Ouvir em inglês: por que é uma dificuldade?

Diversos fatores podem ser os responsáveis por essa deficiência. Em algumas ocasiões, o método que a pessoa selecionou para treinar essa técnica pode estar equivocado. Entretanto, há razões mais gerais que dificultam esse processo.

A pronúncia dos nativos é uma das principais reclamações. O fator que dificulta a compreensão não é necessariamente a velocidade da fala deles, mas a junção das palavras no momento da fala. Por exemplo, no lugar de dizer “Did you eat, yet?” alguns falam “Djeat yet?”.

Outro fator é a conexão dos neurônios com a ideia que está sendo passada. Quando recebemos uma mensagem, nossos neurônios a codificam e conseguimos entender o que está sendo passando. Entretanto, sem o conhecimento necessário, a codificação não ocorre e não conseguimos entender a outra pessoa.

O que fazer para melhorar?

Como vimos anteriormente, sem o conhecimento necessário, a tarefa de ouvir em inglês se torna quase impossível. Por isso, praticar é fundamental para começar a evoluir no listening. Entretanto, é importante salientar que a maneira que essa prática é feita é o que define o alcance do seu objetivo de forma mais eficiente. Confira técnicas para potencializar esse processo.

Faça o Input diário do idioma

Input significa toda a forma de absorção da língua. Por exemplo, quando estamos assistindo a uma série em inglês ou ouvindo um programa de rádio, estamos fazendo o input. Apesar da obviedade da dica, muitos estudantes pecam por não transformar essa tática em um hábito diário e partir disso surge a dificuldade para ouvir em inglês.

Procure assistir diariamente a um filme em inglês ou ouvir uma música, mesmo que precise inicialmente utilizar traduções. Isso irá te ajudar a conhecer as expressões em inglês usadas no dia a dia dos nativos e será o pontapé para os próximos passos.

Tenha ciência do seu nível de conhecimento

Não tente começar por áudios e vídeos complexos demais, que estão acima do seu nível de habilidade no idioma. Se ouvir em inglês é uma grande dificuldade, comece por diálogos mais simples e curtos, com temas mais familiares. Evolua para temáticas mais complexas conforme você sentir o seu desenvolvimento no listening.

O sentimento de frustração caso essa regra não seja seguida, pode até ocasionar uma desistência nos estudos ou uma possível regressão do saber.

Treine a antecipação

É possível antecipar as palavras e o conteúdo que alguém irá dizer somente pela observação do local e do contexto. Essa antecipação nos ajuda a lembrar de todo o nosso acervo de conhecimento sobre determinado assunto e a entender melhor as informações que serão dadas, facilitando as codificações dos neurônios.

Uma forma de treinar essa técnica e realizá-la com mais facilidade durante as situações do dia a dia é, durante um filme ou vídeo, pausar constantemente após algumas sentenças. Ao fazer isso, tente antecipar o que o orador poderá dizer. Faça isso até que você consiga uma boa quantidade de acertos.

Content Words

Você já ouviu falar sobre as content words? Elas são as responsáveis por dar sentido e expressar uma ideia em uma frase. Elas podem ser classificadas como verbos, advérbios, adjetivos e substantivos.

Uma forma de treinar a sua habilidade em listening é antes de assistir ou ouvir um conteúdo, estudar as possíveis content words daquele assunto de acordo com o título. Após esse processo, você pode ouvir sem traduções e tentar entender o contexto de acordo com essas palavras chave. Depois assista de novo com legendas ou checando uma tradução e veja o quanto você conseguiu entender. Faça essa técnica até perceber alguma mudança significativa na sua compreensão.

Preste atenção nas sinalizações

Durante longas palestras e apresentações, o interlocutor envia sinalizações para os receptores da mensagem, que indicam o começo ou a mudança de tópicos. Por exemplo, as expressões que podem ser utilizadas durante uma palestra sobre determinado assunto são: “First of all”, “In summary” e “for instance”. Estude essas palavras de sinalização e suas funções e tente, durante uma apresentação, identificá-las. Ter esse conhecimento te auxiliará a conectar ideias e não se perder durante um assunto.

Utilize a repetição como sua aliada

Dependendo do seu nível de inglês, é possível que você não compreenda o conteúdo de primeira e precise treinar diversas vezes para entender completamente. Se for esse o caso, faça da repetição uma técnica não só para melhorar a sua forma de ouvir em inglês como também para aumentar o seu vocabulário. Anote todas as content words e sinalizações desconhecidas e tente formar um contexto a partir disso. Treine até ter uma noção quase completa do que está sendo dito.

Se você estiver usando apenas áudios, treine uma vez por dia durante pelo menos uma semana. Dessa forma, você irá se acostumar com o inglês falado e nos próximos exercícios não precisará de tanto tempo para compreender completamente. Se o seu nível é mais avançado, você pode treinar o mesmo áudio apenas uma vez.

Se você tiver preferência por vídeo, após assisti-lo transcreva em português o que você entendeu. Se o vídeo for muito longo, você pode dividi-lo em pausas de 5 minutos para facilitar o processo. Realizada a transcrição, confira as legendas oficiais em português e se as suas anotações se enquadram no que de fato foi dito. Repita o processo quantas vezes achar necessário.

Deduzindo significados

É possível deduzir o que a pessoa está querendo dizer através de conhecimentos prévios. Utilize também essa técnica para entender melhor o inglês falado e não se perder durante situações diárias. Uma forma de treinar essa habilidade é, no lugar de assistir um filme ou série, ouvir apenas o diálogo e testar o quanto dele é possível deduzir apenas por palavras soltas. Depois assista e confira se você estava correto.

É de extrema importância que, além de treinar essas técnicas para melhorar a habilidade de ouvir em inglês, você tenha uma boa estrutura de ensino que trabalhe todas as formas de comunicação para atingir a fluência. Aqui na Idiomátika, além de contar com professores qualificados e aulas individuais para atender às suas necessidades, você também pode contar com workshops e imersões, para praticar o idioma. Entre em contato conosco e saiba mais sobre os nossos serviços!

Links úteis:
curso de inglês para negócios
imersão em inglês
inglês para executivos

Compartilhar:
Últimos artigosCategorias